Inspiração não surge sozinha, ela é pesquisada e estudada

Um dos maiores aprendizados para um aluno é conquistar a oportunidade de estagiar e adquirir conhecimento prático para enfrentar os desafios do dia-a-dia do mercado. O networking e as ações com empresas parceiras nos auxiliam a estreitar a integração entre estudantes e indústria e, dessa forma, capacitar profissionais confiantes e prontos para caírem no mundo. O Studio Pharus, estúdio de experimentação estética e investigação em processos criativos, é um dos parceiros EBAC e está conosco nessa jornada. No ano passado, os alunos do Foundation Art and Design, o Ano Zero do programa britânico de graduação da EBAC, coordenado por Michael Burkitt, realizaram a apresentação dos seus trabalhos finais e um dos prêmios oferecido ao ganhador foi um estágio no Studio Pharus.

4.jpg

Representantes de algumas companhias vieram até a escola para avaliarem os projetos. Um dos vencedores foi o aluno Pedro Fabra, que expôs sua obra Method Essence. Para Cris Inoue, diretora do Studio e que participou da avaliação, o mais surpreendente no trabalho dele foi a simplicidade da ideia, a profundidade da pesquisa e da execução, além do primor na apresentação. De acordo com Inoue, foi perceptível a paixão que o aluno demonstrou pelo que estava fazendo e, para ela, a paixão é o requisito número um para ser um bom profissional.

3.jpg

O aluno nos contou um pouco sobre como foi essa experiência e quais foram as principais atribuições e aprendizados. Fabra comentou que no primeiro momento não achou que participaria diretamente de um projeto, mas logo na primeira semana se deparou com o desafio de desenvolver uma embalagem para uma empresa grande. “Enfrentei isso como um obstáculo. Posso dizer que trabalhar lá me ajudou a compreender como funciona um estúdio de design e como são feitos e apresentados os projetos, desde da criação até a apresentação aos clientes”, relatou.

2.jpg

Inoue destaca que a experiência do estágio desmistifica o processo de criação que, segundo ela, não surge sozinho, uma vez que exige pesquisa e estudo. “Podemos dizer que a conceituação é uma parte essencial do que fazemos na Pharus. Criar narrativas, aliadas a racionais que façam sentido para as marcas e seus públicos. Dessa forma, a experiência do estágio desmistifica o processo de criação, e mostra como é possível aliar o tangível ao intangível, com restrições de tempo e aplicabilidade do design no mercado”.

giftrabalho-fabra.gif

Fabra, que está no primeiro ano em Design Gráfico e Ilustração do programa britânico de graduação da EBAC, comentou sobre as principais mudanças que percebeu após esse período de conhecimento. “O Pedro que entrou na EBAC era uma pessoa sem experiência, sem portfólio, mas com uma gota de ambição. Durante o ano, com os diferentes projetos, com as aulas e, principalmente, com os tutores, eu consegui ampliar meu leque de aprendizado. Aprendi com os colegas e pude contribuir com o crescimento de outros. Ainda não acabei de aprender, faltam ainda três anos e estou ansioso para isso”.

***

Relações estreitas com a indústria, possibilitando integração direta entre aluno e mercado é um dos pilares da EBAC. Venha fazer parte desse universo e ter a oportunidade de aprender com os melhores profissionais. Saiba mais sobre nossos programas:

Graduação Britânica
Year Zero: Foundation Art and Design 
BA (Hons) Ilustração
BA (Hons) Design Gráfico